Na senda da promessa feita pelo Reitor da UniLicungo, Boaventura José Aleixo, em 2019 aquando do lançamento das obras “Nhambaro” e “O Barrigudo e Outros Contos”, de comprometimento da Universidade na promoção da literatura local, nacional e internacional, Hélder Muteia esteve na Universidade Licungo para conversar com os amantes da literatura em torno do literário e do profissional.

O autor da “Febre de Matoa” encontrou no evento um motivo para, de forma descontraída, plantar nos presentes o gosto pela literatura e ainda fomentar hábitos de leitura nos alunos, também presentes. Muteia reconheceu que ainda é difícil fazer da literatura uma profissão, assim apelou aos amantes desta arte para buscar formas de conciliar a actividade literária com outras actividades profissionais.

O Reitor da UniLicungo admitiu que é papel das instituições de ensino superior dotar os estudantes de ferramentas e conhecimentos necessários para a promoção da literatura e de outras manifestações artísticas. O evento, promovido pelo Centro de Investigação em Educação e Humanidades, aconteceu no passado dia 20 de Maio e foi moderado por Pedro Napido, Professor de Literatura na Faculdade de Letras e Humanidades.

O auditório do Coalane ficou pequeno perante a grandeza do evento. Estavam presentes estudantes e docentes da UniLicungo, alunos e professores de escolas secundárias circunvizinhas e escritores locais.

Leonel Mutombene e Lino Sude – GCCI

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.